Fundadores: Vitor Aleixo e Ricardo Tavares
Diretor: Vitor Aleixo
Chefe Redação: Ricardo Tavares
Ano: IX
Nº: 431

ADF conseguiu parar o campeão nacional Voltar

LIGA PLACARD. Equipa fundanense tem estado em má forma esta temporada e tem tido dificuldades em ganhar regularidade, mas fez-se grande na recepção ao Benfica, conquistando um empate que tinha tanto de impossível como agora tem de meritório. Infelizmente não chega para ir à Taça da Liga.

 

A equipa da Desportiva tinha uma missão de David contra Golias na recepção ao Benfica no último sábado. Casa cheia para assistir a um jogo onde os fundanenses pareciam condenados logo ao início. Mas se a época não tem corrido de feição, a equipa neste jogo superiorizou-se e conseguiu empatar e fazer o Benfica marcar passo de forma impressionante. A Taça da Liga deixou de ser possível devido ao empate (era preciso vencer), mas este empate terá sempre sabor a vitória.

 

O jogo foi em geral muito equilibrado, algo que não era esperado antes. Ambas as equipas tiveram fases em que estiveram por cima e acabaram por se anular no apito final, sendo o empate um resultado que se ajusta. O Benfica inaugurou o marcador aos 6 minutos por Drasler, após tabela com André Coelho. O Benfica melhorou, acertou duas vezes nos ferros, mas foi a ADF a empatar, Edgar Varela remata, a bola desvia em Chaguinha e trai André Sousa aos 11 minutos. Surge então Mário Freitas, praticamente na última jogada do primeiro tempo a fazer o 2-1, ao fazer um chapéu de belo efeito ao guarda-redes encarnado. Na segunda parte, o Fundão entrou com tudo e num minuto fez dois golos, aumentando a vantagem para 4-1. Primeiro, foi Miguel Ângelo a fazer auto-golo ao desviar livre de Mário Freitas. Depois foi Juninho (sempre em grande) a assistir Hirata para o quarto. O Benfica acordou finalmente e muito devido a Robinho que num minuto bisou na partida. Pouco tempo depois, já nos últimos dez minutos, surgiu Fits a fazer o empate. Entretanto Varela foi expulso por mão na bola dentro de área e Fits bisou na partida a menos de cinco minutos do fim de grande penalidade. Mário Freitas avançou para guarda-redes avançado e a ADF, já aos 38 minutos, conseguiu o épico empate pelo jovem David Gomes, após jogada de Bocum.

 

Com este resultado, os fundanenses já não acedem à Taça da Liga mas demonstram que há no plantel qualidade para inverter a má fase atual. Facto curioso a apontar: sempre que Costinha joga a titular na equipa fundanense, a equipa tem correspondido. Desde setembro, a ADF só soma duas vitórias e um empate. Curiosamente os únicos jogos em que Costinha alinhou de início. Segue-se jogo na casa da Quinta dos Lombos, importante para a equipa se aproximar da fase de playoffs onde tão está habituada a andar nas últimas e largas temporadas.

 

 

HOMEM DO JOGO: Mário Freitas

 

Capitão fundanense, que também já jogou no Benfica foi sem dúvida o principal obreiro da partida. Desequilibrador, muito forte no um para um, marcou um golo e esteve presente nas jogadas de todos os golos da sua equipa. O jogador tem carregado o piano esta temporada e está destinado a fazer a melhor temporada da sua carreira a nível individual. Provavelmente agora sim está pronto para dar o salto.

 

 

- 03 dez, 2019
- Fernando Gil Teixeira