Fundadores: Vitor Aleixo e Ricardo Tavares
Diretor: Vitor Aleixo
Chefe Redação: Ricardo Tavares
Ano: IX
Nº: 408

Corredor ecológico do Vale do Côa será uma realidade Voltar

Pedro Prata, team leader da Rewilding Portugal (organização sem fins lucrativos sediada na Guarda), em declarações à Lusa, deu a saber que o Vale do Côa será palco de um corredor ecológico de 120 mil hectares, que irá desde a Serra da Malcata até ao Douro Internacional. O investimento neste projeto será "de cerca de 2,6 milhões de euros através do programa 'Endangered Landscapes Programme'" segundo o mesmo. Este fundo apoia o projeto "Scaling up Rewilding in Western Iberia", coordenado pela Rewilding Europe, em colaboração com a Rewilding Portugal e outros parceiros: Universidade de Aveiro, Zoo Logical e AT Natureza.

O grande objetivo passa claro pelo aumento da biodversidade desta região, considerada essencial para o país, sendo que para isso é essencial dar-lhe as condições para que a este retorne a vida selvagem de forma sustentável, através da recuperação da floresta e da reintrodução de determinadas espécies. Está ainda a ser estudada uma "possibilidade legal de instituir um modelo de ordenamento do território que englobe o Parque Arqueológico do Vale do Côa e o espaço da Rede Natura do Côa, numa única unidade de proteção dos valores naturais e culturais, que aproxime o decisores do território”.

Este movimento pelo rewilding vem crescendo em toda a Europa e ganhando palco no panorama ambiental internacional, sendo que em Portugal estes são os primeiros passos a ser dados nesse sentido, de restaurar os processos naturais e a vida selvagem, acreditando que esta, com as devidas condições, se consegue governar a si mesma. 

Outro passo que este projeto pretende dar é apoiar o surgimento de novos negócios e produtos locais que se guiem por este olhar ecológico e sustentável, acreditando que pode estar aí a arma de se combater o despovoamento rural e a baixa densidade económica destas regiões, aproveitando as suas condições naturais e otimizando-as. 

Referir ainda que a Rewilding Portugal e respetivos parceiros têm ainda outro projeto em mãos, o LIFE WolFlux, que pretende dar condições a que o lobo ibérico se restabeleça nesta região, assumindo o seu papel importante de predador, sendo que existem diversos obstáculos a serem combatidos para que tal se venha a tornar possível, sendo que já havíamos noticiado anteriormente as acções de monitorização de presas do lobo ibérico que têm sido realizadas nos últimos meses.

 

- 24 Jan, 2020